quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

Pois...

Como era esperado, e de acordo com o DN Madeira, o Ministério Público avançou com 14 processos (3 já estão em curso) junto do TAF contra a CMF.
O que é incrivel é que tudo isto ainda é uma gota no Oceano, face às ilegalidades de Albuquerque.

3 comentários:

Alexandro Pestana disse...

Onde há fumo... há fogo.... Mas será que isso vai dar em alguma coisa?

Rogerio Abreu disse...

Caro Carlos,
Vamos ver que acção tomará o Tribunal Administrativo e Fiscal do Funchal, perante tais factos...
Para já parece haver diferentes celeridades que ferem a confiança na tão desacreditada Justiça.

Anónimo disse...

Se for verdade que o tribunal tem 1000 processos, estamos lixados.
O Ministério da Justiça tem de ajudar na luta contra a ilegalidade, dando meios.